quinta-feira, 26 de novembro de 2009

Falando de Economia

Em outubro, as reservas internacionais do Brasil alcançaram a cifra de US$ 233 bilhões, o real é a moeda mais valorizada do mundo e a entrada de capital estrangeito fopi da ordem de US$ 17 bilhões.

Essa sobrevalorização do Real gera desequilíbrio na balança comercial, diminuindo sensivelmente o superávit comercial brasileiro no ano. Os exportadores continuam pressionando o governo no sentido de que sejam implementadas mudanças na atual política de câmbio para facilitar as vendas dos seus produtos para o exterior.

Essa visão é parcial e imediatista. Seria interessante falarmos de reforma tributária, de eficiência, reforma trabalhista e de custo Brasil. As mudanças precisam ser mais amplas.

O governo limita-se a a fazer concessões eleitoreiras como as recentemente anunciadas em termos de redução do IPI dos móveis e a manutenção de outras alíquotas reduzidas como no caso dos eletrodomésticos.

Estamos perdendo oportunidades d efazer as mudanças que o país precisa. O governo Lula perdeu a chance de marcar mais pontos. Agora, só pensam em 2010 e em emplacar Dilma.

Nenhum comentário:

Postar um comentário